11 de dez de 2012

Cadeia Pública de Aracati

Ontem estive com minha esposa, Eline na Cadeia Pública do município a convite da Pastoral Carcerária. Conheci as instalações e vi as condições nada confortáveis em que aqueles seres humanos estão inseridos. A superlotação e as péssimas condições do prédio impressionam de forma negativa. Durante a missa, as celas foram abertas e estivemos todos vivendo a premissa de sermos irmãos, filhos do mesmo Pai.Impossível ver de perto e não sentir a dor do outro.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário